Educação corporativa nas empresas: o que é, benefícios e como implementar

Educação corporativa nas empresas: o que é, benefícios e como implementar
transformação cultural

As empresas que operam de forma estratégica entendem bem da importância de melhorar continuamente o capital humano. Por isso, investem em treinamento corporativo, além de manter um RH estratégico o suficiente para aplicação de melhorias.

O treinamento da equipe de funcionários é uma das maneiras, não só inteligentes, mas com indicadores positivos de manter uma vantagem competitiva

A formação contínua melhora as competências dos profissionais e, consequentemente, a qualidade do que é ofertado pela empresa.

Mas se o treinamento for feito de acordo com os objetivos da empresa os resultados podem ser mais satisfatórios ainda.

Neste artigo, iremos falar sobre educação corporativa e os motivos de aplicá-la na sua empresa o quanto antes.

O que é a educação corporativa?

O treinamento corporativo pode ser definido como uma estratégia voltada para a gestão de pessoas dentro de uma empresa. A cabeça pensante disto, deve ser do RH estratégico.

Esta estratégia requer o desenvolvimento de competências a favor do contexto da empresa e do ambiente organizacional. A prática vai muito além do treinamento ou apenas qualificação dos funcionários.

A promoção de ações de formação tem como objetivo principal, o aperfeiçoamento das competências de cada colaborador, de acordo com as necessidades e interesses da empresa.

Neste caso, quando a organização identifica determinadas atribuições de um profissional e trabalha para aprimorá-las, torna-se muito mais competitiva, tanto por ter uma equipe altamente qualificada quanto pela qualidade dos produtos e serviços que presta.

Afinal, qual é o objetivo da educação corporativa?

A educação corporativa visa garantir que a gestão do conhecimento organizacional esteja alinhada com os objetivos do negócio. 

Ou seja, visa colocar os colaboradores em um processo de aprendizado e desenvolvimento baseado em competências e aptidões que serão importantes para o negócio.

No entanto, este não é apenas o treinamento convencional, geralmente estabelecido pelas empresas do mercado, porque visa participar ativamente na estratégia da empresa. Assim, os temas abordados podem ser muito diversos. Basta identificar o que precisa ser aprimorado.

Educação corporativa: qual é a importância?

Atualizar e qualificar constantemente os colaboradores da empresa é fundamental para a construção de uma empresa inovadora e em constante crescimento, sendo uma ação atribuída ao RH estratégico.

A partir disso, é possível enxergar onde a educação empresarial pode se encaixar. É a conexão perfeita entre o crescimento dos funcionários e a organização, porque tem como foco identificar com precisão as necessidades da empresa. 

Ao mesmo tempo, contribui para o desenvolvimento profissional dos colaboradores.

O objetivo não é só manter os funcionários alinhados, mas a educação corporativa também desempenha um papel na atração de outros de fora para a estratégia da organização. 

Ao olhar para dentro e para fora do ambiente de trabalho, você pode integrar clientes, fornecedores e demais colegas envolvidos no negócio.

Assim, esse processo pode ser a chave para o crescimento sustentável dos negócios no longo prazo.

Como implantar a educação corporativa e a gestão do conhecimento?

Esse termo, que é considerado complexo, pode ter várias interpretações. Uma das definições gerais é que o conhecimento trata-se de um entendimento do ser humano, com relação a interpretação de informações. 

teamhub gestão de cultura

Com relação aos cenários extremos de informação, sua gestão é fundamental para a construção do conhecimento. Se acontecer o inverso, o processo de aprendizagem será mais trabalhoso e complexo.

A gestão do conhecimento é um intermediário na criação de conhecimento dentro da organização. É o arranjo de dados que possibilita uma construção de raciocínio para resolver problemas.

A educação corporativa utiliza a gestão do conhecimento no processo, pois garante que o aprendizado esteja alinhado aos objetivos da empresa. Tanto a informação estratégica quanto o conhecimento especializado devem ser organizados de maneira fácil de entender.

O treinamento corporativo tem muitas vantagens. Isso é diferente do treinamento geral ou tradicional. 

Ou seja, os efeitos são tanto internos quanto externos, pois abrange os colaboradores envolvidos no cotidiano da empresa bem como clientes, fornecedores, parceiros e demais envolvidos, seja de maneira direta ou indireta.

Para entender seus objetivos de longo prazo, é importante observar e perceber quais são os principais problemas e desafios da sua empresa. 

Com isso em mente, é possível criar um plano de ação que resolva os problemas apresentados e que, ao mesmo tempo, esteja alinhado aos objetivos da organização.

Uma vez definidos os problemas a resolver, é possível pensar nos conteúdos na metodologia mais assertiva e como aplicar essa solução de problemas.

Microlearning

Uma das necessidades crescentes, hoje em dia, é buscar melhores qualificações, sem sermos prejudicados no tempo, já que tempo é ouro. 

É por isso que as empresas dizem adeus aos cursos que levam semanas e apostam no microlearning, que são atividades de aprendizagem de uma nova habilidade, só que em curto prazo.

E-learning

A tendência na educação corporativa é o e-learning. Não só a corporativa, mas boa parte da educação em geral. É verdade que existem muitos professores experientes e professores que podem oferecer cursos e treinamentos de negócios altamente eficazes. 

Mas entenda, o custo-benefício de transferir funcionários para programas de treinamento que levam horas, dias ou semanas pode não ser muito lucrativo. Como falamos no tópico anterior, tempo é dinheiro.

Realidade virtual

A realidade virtual é como se você estivesse andando em um local e enxergando coisas além dele. Trata-se de um acessório parecido com um óculos, que mesmo parado, parece que está em ação. 

Aplicando-se no contexto corporativo, os profissionais podem realizar simulações reais, no sentido de aprender uma nova atividade. Com isso, o aprendizado fica mais atraente a ter mais adeptos.

Gamificação

A gamificação é uma extensão do micro-learning – que falamos anteriormente -, e da realidade virtual. É amplamente utilizado no processo de recrutamento e seleção, mas também ganhando uma posição em outros contextos da organização também.

Através de jogos interativos, missões e ranqueamentos estabelecidos de acordo com a pontuação, os colaboradores se engajam a partir dos conteúdos disponibilizados.

Fortaleça seu ambiente corporativo com a educação corporativa!

Através de um RH estratégico é possível manter uma boa educação no ambiente corporativo, com o objetivo de trazer uma melhor e mais rápida capacitação, com o interesse de fomentar uma cultura de aprendizado em parceria com a produtividade da empresa.

Neste contexto, o que é aprendido dentro dos materiais educacionais disponibilizados terão relação objetiva e direta com o que é necessário para alavancar a empresa.

Use a educação para fortalecer a cultura, os valores e o bem-estar da empresa. Entenda melhor sobre cultura organizacional, algo que pode influenciar bastante nas práticas educacionais e também em manter um RH estratégico mais efetivo.

Papo de Cultura Podcast
(Visited 106 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *