Cultura organizacional: responsabilidade de quem?

Cultura organizacional: responsabilidade de quem?

Manter uma cultura organizacional consolidada e viva é um dos anseios de grande parte das empresas, não é mesmo? No entanto, como já falamos algumas vezes, a implantação desta cultura exige o trabalho conjunto de sócios proprietários, líderes e colaboradores da empresa. Mas a consolidação e a manutenção desta cultura, são responsabilidade de quem?

O processo de implantação de uma cultura organizacional é bem claro: se inicia na direção da empresa, definindo valores e demais diretrizes que vão balizar a forma de atuação da empresa; atravessa, então, a área de gestão de pessoas, que detém grande responsabilidade – tanto na definição quanto na aplicação dessas orientações.

No que diz respeito ao material humano, chega ao setor de Comunicação, que trabalha para divulgar, incentivar e reiterar as diretrizes. E, seguindo essa dinâmica, as orientações chegam aos demais colaboradores que exercem função essencial nesse processo: são eles que constroem e mantêm a cultura no dia a dia empresarial; são extremamente importantes para o sucesso ou fracasso da cultura organizacional. Se engajados, atraem outros colaboradores e, consequentemente, melhores resultados! A necessidade de alinhamento das diretrizes institucionais, suas crenças, hábitos, estratégias, rotinas e métodos de trabalho, onde cada colaborador tem uma participação específica, é essencial no processo de manutenção e consolidação da cultura organizacional, ou seja, a responsabilidade é COLETIVA.

Se o processo é idealizado para que todos tenham participação, fica nítido que a responsabilidade é geral, diária e deve ser aprimorada sempre que necessário. A visão de todos que compõem a organização traz inovações e adaptações, inerentes aos negócios em um contexto global de transformações digitais e tecnológicas. Quando a empresa consegue alinhar os colaboradores aos objetivos estratégicos, a começar pela alta liderança , o objetivo é alcançado e o sucesso continua com a adição de adaptações e melhorias na cultura organizacional.

Neste contexto, a cultura organizacional é responsabilidade da empresa como um todo, cada equipe, colaborador sendo envolvido e contribuindo nesse processo que é coletivo. É importante que todos tenham e sintam o sentimento de pertencimento e contribuição. Afinal, se o processo da cultura organizacional vai bem, os resultados seguem a mesma linha e o nível de satisfação interno também.

(Visited 7 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.